Carga das urnas

Banner com a frase: Urna eletrônica.

QuandoApós a cerimônia de geração de mídias

QuemPartidos políticos, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e Ministério Público (MP)

OndeLocais definidos pelos TREs

O que é apresentado:

  • os sistemas instalados nas urnas eletrônicas;
  • conferência por amostragem em até 3% das urnas escolhidas aleatoriamente após a carga. No mínimo, uma urna é conferida.


Fiscalização:

  • verificação da assinatura digital;
  • comparação do resumo digital dos programas da urna com o publicado na Internet;
  • teste de votação com dados oficiais, incluindo a emissão de zerésima, votação e impressão do boletim de urna;
  • após a verificação, as urnas conferidas recebem nova carga;
  • os dispositivos de acesso da urna são lacrados.



Na cerimônia, é entregue a tabela de correspondência esperada entre urna e seção. Até a véspera da eleição, a tabela é publicada na Internet com a identificação das urnas eletrônicas válidas de votação, justificativa eleitoral e contingência.

Após a carga das urnas, podem ser solicitados, para constituição de sistema próprio de fiscalização, dados referentes a:

  • Candidatos
  • Municípios
  • Seções
  • Coligações
  • Partidos
  • Partidos concorrentes
  • Correspondência esperada
  • Urnas de contingência