TSE recebe informações gerais sobre situação de juízes turcos presos

Dr. Luciano Fuck, Secretário-Geral da Presidência do TSE recebe o 1º secretário da embaixada da ...

O primeiro secretário na condição de Charge d'affaires da Embaixada da República da Turquia, Hulusi Uzunoglu, esteve nesta sexta-feira (29), no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para atualizar os representantes da Corte sobre a situação do país após a tentativa de golpe. Ele foi recebido pelo secretário-geral da Presidência, Luciano Fuck, e pelo chefe da Assessoria Internacional do Tribunal, embaixador Cézar Amaral.

O representante da embaixada turca apresentou um documento de 6 páginas com informações gerais sobre o ocorrido no início deste mês naquele país e também com os detalhes das investigações que estão sendo conduzidas a respeito da prisão de aproximadamente 2.735 magistrados e promotores acusados de terem apoiado o golpe na Turquia. O documento traz um registro do atual cenário: 1352 juízes e promotores estão detidos até agora. 312 já foram liberados sob a condição de controle judicial e 366 estão sob custódia.

As informações serão repassadas ao presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes. Após a prisão dos juízes, o ministro manifestou repúdio à ação e externou preocupação da Justiça Eleitoral sobre a situação delicada na Turquia.

RC/TC

Últimas notícias postadas

Recentes