Teste de Confirmação: termina 1º dia do evento que avalia soluções aplicadas ao sistema eletrônico de votação

Objetivo é verificar se foram resolvidos os achados do Teste Público de Segurança realizado em novembro passado

Teste de confirmação do TPS

O primeiro dia da etapa de confirmação do Teste Público de Segurança (TPS) 2021 do Sistema Eletrônico de Votação foi bastante movimentado. Nesta quarta-feira (11), três das cinco equipes que executaram planos de ataque considerados bem-sucedidos no evento do ano passado passaram o dia examinando as soluções desenvolvidas pela equipe técnica do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para resolver os achados dos investigadores. 

André Matos, investigador responsável pelo plano “Verificação do comportamento do parâmetro urna: mcriptografar”, atestou que o problema identificado foi corrigido de maneira satisfatória pela equipe técnica do TSE. Ele ressaltou que o sistema operacional da urna eletrônica é seguro e muito complexo, por isso, o TSE abre o código-fonte para os investigadores buscarem alguma vulnerabilidade.

“E mesmo com acesso ao código-fonte, é difícil identificar pontos vulneráveis”, afirmou, enfatizando que em condições normais é praticamente impossível encontrar oportunidades de hackeamento do sistema, até porque ele não possui nenhuma conexão com a internet.

Carlos Alberto da Silva, professor de computação da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul e integrante da equipe que identificou um achado ligado à saída do fone de ouvido da urna, afirmou que o equipamento é um dispositivo bem planejado e que funciona. “Tudo o que a gente questionou o TSE mostrou e teve transparência”, disse, ressaltando que a urna eletrônica possui diversos mecanismos de segurança que impedem a manipulação do voto.

O Centro de Divulgação das Eleições (CDE), instalado no 3º andar do edifício-sede do TSE, em Brasília, também recebeu a visita do líder do Partido Social Democrático (PSD) na Câmara, deputado Antonio Brito. Acompanhado da conselheira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e integrante da Comissão de Transparência Eleitoral (CTE) Luciana Nepomuceno, o parlamentar foi recepcionado pelo juiz auxiliar da Presidência da Corte, Sandro Nunes Vieira, e conheceu de perto os procedimentos da Justiça Eleitoral para o aprimoramento do sistema eletrônico de votação.

USP

A exemplo do TPS do ano passado, o Teste de Confirmação está sendo acompanhado por observadores do Laboratório de Arquitetura e Redes de Computadores (Larc) do Departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais da Escola Politécnica (Poli/USP). Coordenado pelo professor Wilson Ruggiero, o grupo da USP conta com a participação de alunos de graduação e pós-graduação para atestar a correção de eventuais vulnerabilidades identificadas pelos investigadores.

Ruggiero afirma ser inegável que o TPS traz melhorias para a urna eletrônica, apresentando novos desafios e adaptações. “Mas o sistema eletrônico está, e sempre esteve, em aprimoramento, e a Justiça Eleitoral é aberta a isso”, reforçou.

Para o coordenador de Modernização do TSE, Celio Castro Wermelinger, esse movimento colaborativo é importante para o aprimoramento do sistema eletrônico de votação. Ele ressalta que cada evento vem evoluindo tanto na quantidade de participantes, quanto nas melhorias das contribuições. “A colaboração da comunidade técnica é um processo de aprendizado. Quanto mais contribuição recebermos melhor para o processo como um todo”, destaca.

O TPS

O Teste de Confirmação ocorre de 11 a 13 de maio, das 9h às 18h. O encerramento das atividades está previsto para as 17h desta sexta-feira (13). O evento está previsto no artigo 37 do Edital do TPS.

O Teste Público de Segurança do Sistema Eletrônico de Votação (TPS), evento permanente do calendário eleitoral, é realizado pelo TSE desde 2009, preferencialmente no ano anterior ao das eleições.

Na sexta edição do TPS, ocorrida de 22 a 27 de novembro de 2021, dos 29 planos de ataques aos componentes da urna eletrônica, somente cinco registraram achados, cujas soluções estão sendo submetidas a exame no Teste de Confirmação.  

MC/LC

Leia mais:

11.05.2022 – Investigadores começam teste de confirmação para avaliar ajustes feitos pelo TSE no Sistema Eletrônico de Votação

29.11.2021 – Em coletiva, ministro Barroso destaca segurança do voto na urna eletrônica

icone mapa
Setor de Administração Federal Sul (SAFS)
Quadra 7, Lotes 1/2, Brasília/DF - 70095-901,
Tribunal Superior EleitoralTel.:(61) 3030-7000

Icone horário de funcionamento dos protocolos

Funcionamento dos protocolos administrativo e judiciário : segunda a sexta, das 11h às 19h. De acordo com a portaria 759, de 15 de agosto de 2022, aos sábados, domingos e feriados, compreendidos entre 15 de agosto e 19 de dezembro de 2022, as atividades do protocolo judiciário e administrativo do Tribunal Superior Eleitoral serão realizadas das 13 às 18 horas.

Horário de funcionamento de outros serviços e mais informações

Acesso rápido