STF suspende aplicação do voto impresso nas eleições de 2014

supremo tribunal federal STF suspende aplicação voto impresso eleições 2014 minirreforma lei 12034 2009 ação direta de inconstitucionalidade ADI TSE tribunal superior eleitoral urnas eletrônicas

Sessão do STF que julgou a ADI do voto impresso
Sessão do STF que julgou ação cautelar na ADI do voto impresso

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) concederam nesta quarta-feira (19) uma medida cautelar que suspende, até o julgamento de mérito, a aplicação do voto impresso nas eleições de 2014. O voto impresso foi aprovado pelo Congresso Nacional por meio da Lei nº 12.034/2009, conhecida como minirreforma eleitoral.

A decisão do STF, unânime, ocorreu na Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4543, ajuizada pela Procuradoria Geral da República (PGR). O principal argumento da PGR é no sentido de que a impressão do voto fere o artigo 14 da Constituição, que garante o voto secreto.

Leia a matéria na íntegra.

Últimas notícias postadas

Recentes