Assessores de Comunicação da Justiça Eleitoral sugerem ações estratégicas durante Coptrel

Ação integrada no combate à desinformação, impulsionamento de campanhas nas redes sociais e capacitação de assessores de Comunicação estão entre as propostas

Assessora-chefe de Comunicação do TSE

As conclusões das reuniões dos assessores de Comunicação dos 27 Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), realizadas nesta quinta-feira (7), em Natal (RN), durante a 77ª reunião do Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais (Coptrel), foram apresentadas nesta sexta-feira (8), aos ministros, presidentes dos TREs, diretores-gerais da Justiça Eleitoral e demais autoridades presentes ao evento.

A assessora-chefe de Comunicação do TSE, Ana Cristina Rosa, expôs, em nome do grupo, uma série de sugestões definidas pelos assessores. Entre elas, foram destacadas a ação integrada e educativa de todos os órgãos da Justiça Eleitoral no combate à desinformação e o impulsionamento nas redes sociais das campanhas referentes às Eleições Municipais de 2020. Nesse ponto, foi sugerida a realização de uma capacitação sobre relacionamento com a imprensa para todos os TREs.

Assessora-chefe de Comunicação do TSE no 77º CoptrelAna Cristina Rosa também apresentou ações realizadas pela Comunicação do TSE que afetam toda a Justiça Eleitoral. A nova logomarca para as Eleições Municipais de 2020 e as campanhas “Semana do Jovem Eleitor”, “Mulheres na Política”, “Minuto da Checagem”, “Trilhas da Democracia” e “Democracia Todo Dia”, entre outras iniciativas, foram algumas das ações elencadas.

“Uma das deliberações mais relevantes foi a decisão de intensificar a divulgação das ações referentes ao enfrentamento à desinformação, ampliando e potencializando o alcance. E isso começa já com o Minuto da Checagem, série de vídeos que se encaixa num dos eixos do Programa de Enfrentamento à Desinformação lançado pelo TSE”, explicou a assessora-chefe.

A jornalista também ressaltou que as decisões tomadas em reuniões como a do Coptrel estão sendo colocadas em prática. Ana Cristina citou como exemplos o drive para compartilhamento de arquivos entre os assessores de Comunicação – sugerido durante o 76º Coptrel, em São Paulo (SP) – e a pesquisa de opinião sobre a percepção do cidadão em relação à Justiça Eleitoral, cuja realização foi definida durante o Encontro Nacional de Comunicação da Justiça Eleitoral, em outubro deste ano.

“A Comunicação é uma área estratégica em todas as instituições, e na Justiça Eleitoral não é diferente. Tenho certeza de que os Senhores também têm esse entendimento. A participação dos assessores de Comunicação no Coptrel é uma prova disso. Agradeço o espaço e a oportunidade de estar aqui, representando os assessores de Comunicação da Justiça Eleitoral, e compartilhando nossas ações em curso e em planejamento”, concluiu Ana Cristina Rosa.

Confira todas as informações na página do evento.

Coptrel

O Coptrel foi criado em 16 de setembro de 1995, em Florianópolis (SC). É uma sociedade civil sem fins lucrativos, de âmbito nacional, integrada pelos desembargadores que estiverem na Presidência dos TREs. O Colégio tem como presidente de honra o presidente do TSE, atualmente, a ministra Rosa Weber.

Nas reuniões do Coptrel, os presidentes dos TREs têm a oportunidade de discutir questões que afetam a todos os Regionais. O objetivo é aperfeiçoar a prestação do serviço e desenvolver ferramentas que auxiliem no processo eleitoral. Ao final, são divulgadas a ata do encontro e uma carta na qual são elaboradas proposições para incrementar a atuação dos tribunais.

RG/JB, DM

Leia mais:

08.11.2019 – Inovação e sustentabilidade marcam o 77º Coptrel em Natal

06.11.2019 – TSE participa do 77º Encontro do Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais

Últimas notícias postadas

Recentes