Presidente do TSE nomeia Júlio Valente secretário de Tecnologia da Informação

Nomeação foi publicada nesta terça-feira (11). Giuseppe Janino deixa o cargo após 15 anos

Fachada do TSE

A partir desta terça-feira (11), a Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) passa a ser comandada pelo servidor Júlio Valente. Ele substitui Giuseppe Dutra Janino que, a pedido, deixa o cargo após mais de 25 anos de dedicação e serviços prestados à Justiça Eleitoral.

A troca da gestão da STI do TSE foi definida conjuntamente pelo presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, e pelos ministros Edson Fachin e Alexandre de Moraes, que assumirão a presidência no próximo ano.

Júlio Valente integra a Justiça Eleitoral há mais de 25 anos, sendo 13 deles na STI do Tribunal Superior Eleitoral. Desde 2009, atuava como chefe da Seção de Totalização e Divulgação de Resultados (Setot), responsável pelos sistemas de totalização dos votos e divulgação dos resultados das eleições. 

Trajetória reconhecida

Giuseppe Janino, completa em maio 15 anos no cargo de secretário de Tecnologia da Informação do TSE e tem uma trajetória reconhecida na Justiça Eleitoral. Janino foi o primeiro colocado no primeiro concurso para analista de sistemas do TSE, em 1996.

Ele é coautor do Projeto da Urna Eletrônica do Sistema Eleitoral Brasileiro, e foi o representante da JE na comissão formada por cinco integrantes que concebeu o projeto de votação eletrônica brasileiro. Além dele, participaram três técnicos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e um do Centro Técnico da Aeronáutica (CTA).

Giuseppe Janino permanecerá no TSE, a fim de auxiliar a presidência da Corte no processo de transição de gestão. Em julho, ele lançará um livro sobre sua história e experiência na Justiça Eleitoral.

Transição

Para contribuir com o processo de troca da gestão da Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) e ampliar a interlocução com os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs), foi constituído, nesta terça-feira (11), o Conselho Consultivo para a Transição (CCT). O Conselho será integrado por quatro secretários de TI de TREs: Carlos Sampaio do TRE do Ceará, Daniel Wobeto do TRE do Rio Grande do Sul, Danilo Magno Marchiori do TRE do Espírito Santo e Valdenir Borges Júnior do TRE do Tocantins.

EM/LC, LG

Últimas notícias postadas

Recentes