TSE recebe relatório de diligências realizadas em gráficas da campanha de Dilma e Temer

TSE recebe relatório de diligências realizadas em gráficas da campanha de Dilma

Fachada do TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recebeu nesta quarta-feira (18) o relatório da Força-Tarefa sobre as diligências realizadas em três gráficas que prestaram serviços à chapa da ex-presidente Dilma Rousseff e Michel Temer, durante a campanha eleitoral de 2014, e empresas subcontratadas. O relatório está sob sigilo, mas as partes estão sendo intimadas para ciência. Também foram marcadas audiências para oitivas de mais cinco testemunhas.

A ação foi determinada pelo corregedor-geral da Justiça Eleitoral, ministro Herman Benjamin, em dezembro do ano passado. A decisão do ministro foi motivada pelo relatório entregue pela Força-Tarefa, liderada pelo TSE, que analisou as informações obtidas com a quebra dos sigilos bancários das gráficas VTPB Serviços Gráficos e Mídia Exterior Ltda., Focal Confecção e Comunicação Visual Ltda., Rede Seg Gráfica Eireli e dos sócios.

As diligências foram realizadas em, aproximadamente, 20 locais de três estados brasileiros (Minas Gerais, São Paulo e Santa Catarina). O trabalho se ateve às questões eleitorais, seguindo a determinação do ministro corregedor, que também decretou a quebra do sigilo fiscal de cerca de 15 pessoas físicas e jurídicas, cujos nomes não serão divulgados.

Acesse aqui os documentos referentes à AIJE nº 194358.

JP/TC

Últimas notícias postadas

Recentes